Por que Falhamos na Apresentação de uma Idéia?

Por que Falhamos na Apresentação de uma Idéia?

Tempo de leitura: 5 minutos

Fase 1 – PLANEJAMENTO

Muitas vezes não são as grandes ideias que são implementadas nas organizações, mas sim aquelas que contém uma estrutura de apresentação que impeçam os interlocutores de criticar. Às vezes projetos que muitos já sabiam que precisavam ser feitos, mas poucos tinham a ousadia de propor é que fazem as diferenças dos executivos. Se você é um executivo, e isto já aconteceu ou vive acontecendo com você, pergunte-se:

“é a pessoa que ousa apresentar a ideia simples e assim ganha seus méritos, ou você que não sabe como propor a ideia que está com problemas?”.

Eu não sei qual o seu julgamento sobre estas pessoas, mas uma coisa precisamos aprender nesta vida. Precisamos aprender com pessoas que geram resultados. É claro que o caráter também está no jogo, mas uma dica legal para aprender é: primeiro aprenda o processo, depois faça o seu julgamento. Se você inverter esta ordem você pode não querer aprender nada na vida!

Aprender a fazer apresentações excepcionais não é uma habilidade apenas para os executivos. Os empreendedores quando ficam diante de investidores para apresentar a sua ideia do negócio estão naquele momento na grande oportunidade de suas vidas! Quanto vale investir nesta habilidade?

As pesquisas no campo da influência concluem que é preciso saber roteirizar a apresentação de forma que a plateia consiga ficar em um estado de alta concentração. Ao obter este estado mental, a atratividade será intensa, a dramatização da história trará significados reais e a conclusão vai parecer algo “genial”, mesmo não sendo. Quando fazemos isto acontecer o call to action (ação que você deseja ao final da apresentação) será uma ação reativa e não proativa, pois é a plateia que pergunta: “e agora o que estamos esperando?”. Quanto maior a intensidade da reatividade, maior será o impacto da ação.

Muitos vendedores acham que precisam de um posicionamento agressivo para vender, alguns líderes acham que precisam estabelecer metas agressivas para a equipe performar, alguns compradores acham que precisam pressionar o vendedor para comprar melhor… bem uma infinidade de esforços intensos para melhorar a performance que você já conhece.

A nossa ideia no blog é fornecer algumas ferramentas inteligentes para melhorar a sua performance. Pois tanto para a nossa vida pessoal, como para o nosso posicionamento como profissional é importante saber gastar o mínimo de energia para obter o máximo de resultado. O meu lema é sempre fazer Mais com Menos e Melhor. Busque referências de alta performance, sempre haverá um modelo melhor para fazer as coisas.

Neste artigo, vão algumas dicas sobre a primeira etapa da apresentação que é o planejamento. Veja onde estão suas falhas. Em um próximo artigo vou falar sobre o encadeamento do discurso e a forma pelo qual você consegue o engajamento e a ação desejada da apresentação.

Principais falhas no planejamento:

1 – Falta de análise da idéia>

  • Que problemas a minha idéia soluciona? Se a sua idéia for apenas uma inspiração divina e sem conexão com o contexto dos seus negócios, sua idéia corre grande risco de ser rejeitada.
  • O que causa este problema? Quando voce se debruca sobre as principais causas do problema, voce pode tambem redefinir o problema, muitas vezes quando o problema e mal definido ele fica insoluvel!
  • O que faz a minha idéia se tornar a melhor alternativa? Muitas ideias sao rejeitadas nao pela ideia em si, mas pela inviabilidade de aplicacao naquele momento com aqueles recursos e com aquele prazo que foram expostos.

2 – Falha na análise da audiência>

  • Quem é o decision maker para a implementação da idéia? Se você não sabe quem é o decisor você não consegue criar atratividade para a sua ideia.
  • Que crenças e valores desta ou destas pessoas poderiam bloquear ou suportar minhas idéias?
  • Quem são as pessoas que direta ou indiretamente poderiam ter interesse em me apoiar na venda desta idéia?
  • Quem são as pessoas que me sabotariam para que eu não consiga vender minhas idéias?
  • Para esta platéia que recursos eu preciso ter para fazer a apresentação da idéia?

3 – Falha na análise do relacionamento interpessoal>

  • Qual a qualidade do meu relacionamento com estas pessoas? Tenha profundidade na relação, reconheça as diferenças pessoais e identifique o que faz você conviver de forma saudável com estas pessoas.
  • Qual é a intensidade da minha credibilidade perante estas pessoas? Se minha credibilidade é baixa, por melhor que seja minha ideia as pessoas nao conseguem me legitimizar como criador de grandes ideias.
  • Se eu tiver pouca credibilidade, quem poderia influenciar indiretamente? Se eu as pessoas ainda não me legitimizam como uma pessoa que tenha potencial para resolver problemas complexos eu preciso saber por meio de quem esta idéia poderia chegar ao decisor principal.

4 – Falha na apresentação>

  • Falta de demonstração de paixão pela idéia. Pessoas apaixonadas falam com entusiasmo.
  • Falta de demonstração da viabilidade de implementação da idéia. Depois da paixao e importante voce fazer sua auto critica.
  • Falta de explanação dos benefícios para a organização e para a pessoa que toma a decisão. Em toda apresentação de uma idéia prenda-se no beneficio, fale dos ganhos, fale do resultado final para criar desejos de querer que esta idéia funcione.
  • Falta de clareza entre o problema apresentado e a solução apresentada. Sempre que estiver falando das idéias, lembre se de mencionar os contextos, os impactos da não solução e a solução apresentada.

O que achou da fase do planejamento? Faça o seu comentário logo abaixo e vamos conversar.

4 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.